Lua em Gêmeos

lua em gemeos

 

A Lua chega em Gêmeos. Se você tem a Lua em Gêmeos, você é uma pessoa de espírito jovem, desperto, com vocação para se comunicar, com uma curiosidade ardente, e um desejo de aprender, uma forte inquietação que às vezes causa problemas. Dificuldade de concentração, de se fixar num só emprego, medo da rotina, mudanças de casas.

De uma inata versatilidade, e adaptabilidade, que leva a indecisão, a música, as letras em forma de poesia lhe atraem. Uma boa conversa seduz. Sendo assim também sabe seduzir. Principalmente com as palavras. Quando resolve se comunicar com quem ama, tende a fascinar o outro com seu jeito inteligente e animado. Avesso às emoções, preferindo as racionalizações, podendo a levá-los a confusos labirintos de diálogos mentais.
A comunicação e a leitura servem de alimento à sua estabilidade, mas nem sempre a lógica e o planejamento resolvem os problemas; é necessário encontrar o equilíbrio entre a razão e o instinto, para que as suas emoções não percam a fluidez. É na expressão dos seus sentimentos que você pode contatar com o mundo do inconsciente e aí aperceber-se das causas ou motivos da sua dualidade e ambivalência interior.

A necessidade de encontrar sentido nas experiências emocionais e de equacionar dados e situações que se lhe apresentem deve ser acompanhada por fases em que você possa ouvir a sua voz interior para além do raciocínio e da lógica.

De natureza extremamente racional, você tem imperiosa necessidade de compreender as emoções, saber por que está sentindo o que sente, e resumindo, tenta racionalizar o que é essencialmente irracional. Você pára de sofrer quando ignora o sentido daquilo que está sentindo e simplesmente se permite sentir.

Sua companhia é extremamente agradável, você é uma pessoa doce, companheira, e extremamente bem humorada. Tem um lado malicioso e perverso, como uma criança arteira que está o tempo inteiro brincando e experimentando.

Por ser uma Lua de elemento Ar, relacionamentos muito pesados, e cheios de cobrança, a sufocam rapidamente.

Divulgue seus trabalhos, suas idéias. Anime as rodas de conversa, com assuntos inteligentes e criativos, saia um pouco da teoria, e experimente na prática. Vá “borboletear”por aí , flerte com sua natural elegância, e por favor, cuidado com a fofoca.

: :

Comentários

Coentários