Os ciclos Astrológicos

Aos 29 anos Sidarta resolveu sair do seu castelo para se tornar o Buda

Aos 33 anos Jesus resolveu sair por aí pregando através de parábolas…

Essas datas são significativas, e elas possuem uma profunda correlação com a Astrologia.

Aos 29 anos acontece o temível “Retorno de Saturno”, e aos 33 anos, o Sol retorna ao seu ponto de origem.

Esses fatos místicos apontam que existe um “Ritmo Cósmico” como é afirmado no Caibalion:

“Tudo tem fluxo e refluxo; tudo, em suas marés; tudo sobe e desce; tudo se manifesta por oscilações compensadas; a medida do movimento à direita é a medida do movimento à esquerda; o ritmo é a compensação.”

Tanto a gestação de um feto quanto o florescimento de uma semente, ambos possuem o seu próprio ritmo de desenvolvimento.

Dentro da Astrologia isso fica evidente através dos “Trânsitos” e seus ciclos. Cada planeta percorre sua órbita através de todo o zodíaco, até retornar ao seu ponto natal, durante essa travessia ele vai fazendo aspectos importantes : quadratura, oposição e conjunção.

O efeito da Lua é diário. Horóscopos de Jornal são feitos através dos aspectos da Dama da Noite. Ela é o humor do mundo. Fica em cada signo por volta de 2 dias e seu ciclo dura aproximadamente 28\29 dias, semelhantes ao ciclo menstrual feminino. Sendo assim, você observa a forte  ligação da Lua, tanto com a mulher quanto com Saturno, pois seu ciclo acontece por volta dos 28\29 anos. A cada 7 dias a Lua muda de fase, a cada 7 anos Saturno muda de pele. Lua e Saturno falam de passado. Questões familiares e kármicas. Os toques de Saturno trazem maturidade e discernimento, também dificuldades e atrasos. Seus aspectos duram 2 anos..

Mercúrio, Vênus e Marte são chamados “planetas pessoais”, eles dizem como o seu Ascendente irá pensar, com o quê irá se importar e como irá agir.

Mercúrio fala do dia a dia, da comunicação, do trânsito, das transações comerciais, das mensagens no geral, por duas semanas estará agitando naquele signo por onde ele transita, seu ciclo que é irregular, dura por volta de 1 ano. Ou seja, a cada uma vez por ano você precisa rever, renovar suas ideias e conceitos.

Por estarem muito próximos ao Sol, o ciclo de Vênus também dura aproximadamente 1 ano e 40 dias. Fica por volta de 20 dias a um mês em cada signo. Dentro de 16 meses, Vênus olhará pra trás, fará o seu movimento retrógrado por durante 40 dias, revisando e questionando o amor.

A cada dois anos, Vênus tende a fazer conjunção com Marte e a paixão estará no ar…

Por falar em Marte, a cada dois anos ele dá uma volta no zodíaco, dando aquele empurrão para movimentar o que estava travado. Aumenta o tesão e também provoca a agressividade. Por 40 dias ele estará botando fogo naquele signo onde se encontra.

Já o poderoso Júpiter traz a bênção a cada 12 anos e durante um ano, pelo signo que passa,  expande e abre seus caminhos… Aproveite!!  Por exemplo, aos 24 anos existe uma tendência da pessoa provavelmente já ter terminado os  seus estudos, e agora querer viajar e expandir o seu caminho…

Já Urano, Netuno e Plutão, são chamados planetas “transpessoais“, os deuses da mudança. São eles que sacodem tudo, uma geração inteira!!

O ciclo de Urano é longo, demora 84 anos para dar um giro no zodíaco, uma vida inteira, por volta de 7 a 8 anos, Urano transita por um signo trazendo renovação, atitude, mudança, criatividade, e rupturas… Para isso é necessário certa dose de coragem e ousadia… Aos 21 anos, por exemplo, Urano trará um forte desejo de liberdade e doses de rebeldia.

Já Netuno leva cerca de 165 anos para dar uma volta ao redor da mandala zodiacal. Fica por volta de 14 anos em cada signo, oferecendo novas percepções da realidade através da espiritualidade, misticismo, afetando as artes e o inconsciente coletivo. Pelo signo que ele passa, aumenta o desejo de fugir da realidade… Aos 42 anos, a primeira quadratura de Netuno traz confusão e dúvidas perante o sentido da vida…

Enquanto Plutão, que até pouco tempo fora rebaixado a um mero asteroide, tem sua órbita bastante irregular, ficando por diferentes períodos em cada signo. Seu ciclo completo dura 248 anos e seus aspectos duram de 4 a 5 anos. Plutão força a profunda transformação, a alquimia da alma, em algum momento da sua vida será convidadx a mergulhar no mais profundo do seu interior.

Astrologia é uma técnica, uma prática, uma linguagem milenar de observação da relação existente entre o céu e a Terra, tem como missão oracular, auxiliar o consulente na busca da sua realização pessoal, se “como é em cima, também é embaixo”, o conhecimento das estrelas tem o intuito de elucidar as condições de viagem para que o buscador realize da melhor maneira possível “a sua vontade aqui na Terra como nos Céus”.

Após um giro de 365 dias, o Sol dá início a mais uma “Revolução”, apresentando novas oportunidades e possibilidades, abrindo um novo ciclo. A cada 30 dias, o Sol ilumina um diferente signo, trazendo vitalidade, visibilidade e realizações.

O mapa astral não é uma mandala estática. Pelo contrário, extremamente dinâmica, onde o mapa muda, progride, ora expande, ora se contrai. Isso pode ser analisado como os trânsitos – movimento dos planetas – estão afetando e influenciando o seu mapa natal.

Os trânsitos astrológicos ditam os ritmos e os ciclos básicos da vida que precisam ser experimentados como parte da evolução individual e coletiva. Eles servem como gatilhos cósmicos que produzem diferentes eventos que servirão para o  aprendizado tanto físico quanto psicológico. Quanto mais consciente estiver do seu momento, melhor fará uso do seu livre arbítrio para encontrar as melhores escolhas e soluções. Mas caso esteja muito ignorante, distante do seu propósito e desconhecer a natureza da sua época, poderá fatalmente estar à mercê do misterioso destino. A compreensão da sua “fase” trará maior clareza e entendimento para lidar com as situações e seus possíveis desafios.

Astrologia não promete curas milagrosas. Ela aponta o caminho do mapa, mas és tu que precisas ter coragem para vivê-lo plenamente no território. Ir além das suas crenças limitantes, romper com o ethos tribal, superar a zona de conforto familiar, ir além da doutrinação que lhe foi imposta desde o seu nascimento. Aos desvelar o seu DNA celestial, tem por missão se tornar senhor do seu próprio destino.

Astrologia de raiz, é para poucos. Para quem tem disposição e força de vontade, principalmente para superar suas próprias dificuldades e limitações.

: :

 

 

 

 

 

Comentários

Coentários